Forte calor causa prejuízo no campo e provoca alta no preço dos alimentos ~ PORTAL DE NOTICIAS

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Forte calor causa prejuízo no campo e provoca alta no preço dos alimentos


Em algumas regiões, queda na produção chega a 70%. Em SP, verduras estão 35% mais caras. E legumes tiveram aumento entre 17% e 20%.

O calorão e a falta de chuvas já causam prejuízos no campo. Em algumas regiões, a queda na produção chega a 70%.
Sol forte, temperaturas acima de 30°C e nada de chuva. Em Goiás, a seca prolongada em um período normalmente chuvoso, surpreendeu os produtores de soja.

“Tem 31 anos que estou aqui em Goiás, emRio Verde. Nesse período que é de fim de dezembro, janeiro e também fevereiro faz parte, eu nunca vi”, diz o produtor rural Sílvio Wegener.
A Federação de Agricultura e Pecuária de Goiás calcula um prejuízo de R$ 1,3 bilhão.  O estado deve deixar de colher quase 1,5 milhão de tonelada.
Prejuízo também para os agricultores do interior paulista. Em várias regiões não chove há quase um mês. 

Os pés de milho, que nesta época deveriam estar verdes e com mais de dois metros de altura, estão pequenos e secos. E por causa de chuva e altas temperaturas, as espigas não se desenvolveram. Na região Noroeste do estado de São Paulo, as perdas nas lavouras de milho já chegam a 70%.
O calor também castiga os pomares de limão. Em uma propriedade, em São José do Rio Preto, a produção caiu pela metade. E com o pasto seco, as vacas estão produzindo menos leite.
“Caiu muito. Eu tirava 250 litros e estou tirando 120 litros hoje. Muito difícil, muito difícil”, afirma o produtor rural Nilton Alves.
Esse prejuízo no campo já fez o preço de alguns alimentos subir para o consumidor. No maior centro de abastecimento de alimentos do Brasil, a Ceagesp de São Paulo, as verduras já estão em média 35% mais caras. E os legumes tiveram aumento entre 17% e 20%.
FONTE:  BOM DIA BRASILI
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário